Dentalcare.com.br

Curva de Stephan

Figura 6. Curva de Stephan.

Tabela mostrando a Curva de Stephan
Adaptado de: Stephan RM, Miller BF. A quantitative method for evaluating physical and chemical agents which modify production of acids in bacterial plaques on human teeth. J Dent Res. 1943;22;45-51.

As bactérias acidogênicas na placa dentária metabolizam rapidamente os carboidratos fermentáveis, produzindo produtos finais ácidos. Na boca, essas mudanças ao longo do tempo em resposta a um desafio (geralmente um alimento cariogênico) são conhecidas como respostas de Stephan ou curvas de Stephan.8 O pH da placa dentária em condições de repouso (isto é, quando nenhum alimento ou bebida é consumido) é razoavelmente constante. Mas existem diferenças entre as pessoas e em diferentes locais dentro de uma pessoa.

A resposta após a exposição da placa dentária a um carboidrato fermentável é que o pH diminui rapidamente, atingindo o mínimo em aproximadamente 5 a 10 minutos. Isso é seguido por uma recuperação gradual do seu valor inicial, geralmente após 30 a 60 minutos, embora possa demorar mais em algumas pessoas.

Vídeo 1. Explicar o significado da Curva de Stephan no início e na prevenção da cárie?

A significância de uma curva de Stephan mostra que a curva de pH da placa cairá muito e rapidamente após o consumo de carboidratos fermentáveis. E então cairá abaixo do que chamamos de pH crítico e, nesse caso, ocorrerá a desmineralização dos minerais do esmalte dentário. E isso realmente leva muito tempo para o pH da placa subir lentamente e retornar ao nível habitual de repouso. Isso significa que ocorrerá desmineralização durante certo tempo. E, quanto mais frequente a ingestão de carboidrato, maior o tempo para a desmineralização ocorrer. Em termos de prevenção, a parte mais importante é que precisamos ter certeza de que nossos pacientes não consumam carboidratos fermentáveis com muita frequência. E então tentamos promover a remineralização, nesse caso, certificando-nos de que não caia abaixo do pH crítico por um longo período.

As páginas a seguir tratam de alguns dos mecanismos subjacentes a cada estágio da curva de Stephan.