Tratamentos

Tratar a hipersensibilidade dentinária pode ser um desafio para o dentista devido à dificuldade da avaliação da resposta à dor, uma vez que a resposta pode variar de paciente para paciente. Além disso, se a exposição dentinária ocorre devido a hábitos pessoais, pode ser difícil para os pacientes mudarem seus comportamentos. Se o diagnóstico confirmar a hipersensibilidade dentinária na ausência de doenças subjacentes ou problemas estruturais, então as seguintes etapas podem ser iniciadas: (1) remover os fatores de risco, educando o paciente sobre ácidos na dieta e outros hábitos de cuidados bucais; (2) recomendar métodos diferentes de escovação dos dentes, se apropriado; (3) iniciar o tratamento, recomendando um agente dessensibilizante para uso doméstico; e/ou (4) aplicar agentes dessensibilizantes tópicos no consultório.

Em 1935, Grossman abordou os requisitos para um agente dessensibilizante ideal: deve agir rapidamente com efeitos de longo prazo, não irritante para a polpa, indolor e fácil de aplicar sem manchar a superfície do dente. Esses requisitos ainda existem hoje quando se avalia uma solução ideal para a hipersensibilidade dentinária. 18 Existem várias maneiras de classificar os tratamentos: primeiro, eles podem ser categorizados com base em seus ingredientes e/ou mecanismo de ação. 1920 Há duas abordagens comuns no tratamento da hipersensibilidade dentinária, estabilização dos nervos e oclusão dos túbulos. Além disso, as opções de tratamento podem ser classificadas como invasivas ou não invasivas em sua natureza. Exemplos de procedimentos invasivos realizados no consultório incluem cirurgia gengival, aplicação de materiais adesivos de resina, como agentes de ligação da dentina, ou pulpectomia. Dentifrícios e outros produtos para uso doméstico não são invasivos. Por fim, os tratamentos podem ser classificados com base no fato de poderem ou não ser aplicados pelo paciente (venda livre) ou exigir aplicação profissional. Para fins deste curso de FC, vamos nos concentrar nos produtos de venda livre de primeira linha, bem como em tratamentos populares no consultório.