Síndrome da boca ardente

sindrome_da_boca_ardente

Um desconforto ardente na boca não é incomum e pode ser associado a diversos distúrbios, quando presente em conjunto com outros sintomas. No entanto, até 15% dos pacientes mais velhos podem apresentar uma sensação de ardência na boca, apesar da não presença de outros sintomas visíveis. Isso é classificado como síndrome da boca ardente.

Causas da síndrome da boca ardente

Apesar de não existir uma evidência visível da condição, problemas psicológicos, como estresse emocional, ansiedade e depressão, deficiências hormonais na pós-menopausa e anormalidades neurológicas têm sido identificados como possíveis contribuidores da síndrome da boca ardente.

Sintomas da síndrome da boca ardente

Os sintomas da síndrome da boca ardente incluem:

  • Sensação crônica de ardência na língua, no palato duro, nos lábios ou na superfície da boca entre as gengivas e os lábios
  • Sensação de boca seca
  • Sensação de formigamento causando desconforto
  • Alterações no paladar

A síndrome da boca ardente é diagnosticada pela exclusão de outros fatores que podem causar ardência oral. Os fatores podem incluir medicamentos, diabetes tipo 2, alergias e deficiências de vitaminas, entre outros.

Tratamento e formas para remediar a síndrome da boca ardente

O primeiro passo no tratamento da síndrome da boca ardente é a remoção de quaisquer fatores locais contribuidores, como infecções, produtos orais e alimentos apimentados. Produtos dentais sem álcool com baixo nível de aditivos e aromatizantes mínimos são recomendados, assim como doces e gomas de mascar sem açúcar e bebidas sem cafeína. Terapias, incluindo a administração do estresse, yoga, psicoterapia e exercícios moderados também podem ajudar a diminuir a intensidade da dor.

Dependendo dos sintomas, alguns antidepressivos usados no tratamento de ansiedade podem ser considerados como um tratamento para a síndrome da boca ardente, juntamente com algumas abordagens tópicas.

Apesar de ser benigna, a síndrome da boca ardente pode ser debilitante e, por isso, é recomendado que você visite seu dentista caso esteja sofrendo de alguma forma de ardência bucal.