Herpes labial

herpes_labial

O herpes labial é uma infecção dolorosa causada pelo vírus do herpes simples. Também conhecida como bolhas de febre, essas bolhas podem aparecer em qualquer parte do corpo, porém são mais comuns no exterior da boca e nos lábios. Após a formação das bolhas, elas se rompem para formar uma ferida contagiosa que dura entre sete a dez dias antes de encrostar.

O herpes labial é muito comum e, na maioria das vezes, não é grave. No entanto, a infecção pode ser potencialmente letal para quem tem AIDS, pode causar cegueira caso se espalhe para os olhos e meningite se atingir o cérebro.

Quais são as causas do herpes labial?

O vírus do herpes simples tipo 1, que geralmente causa o herpes labial, espalha-se pelas formas de contato, como o beijo ou o compartilhamento de utensílios com uma pessoa infectada. Também pode ser transmitido pelo sexo oral.

Após você ter se exposto ao vírus do herpes simples, ele permanecerá adormecido até que seja despertado. O vírus pode ser desencadeado de diversas maneiras. As causas do herpes labial incluem:

  • Determinados alimentos
  • Clima frio ou luz solar excessiva
  • Alergias
  • Estresse e fadiga
  • Um sistema imunológico enfraquecido

Sintomas do herpes labial

A lista a seguir detalha alguns dos sintomas mais comuns do herpes labial:

  • Uma sensação de ardência ou formigamento ao redor dos lábios nos dias antes da erupção da bolha
  • Uma pequena bolha cheia de líquido aparecendo na borda externa dos lábios
  • Uma ferida que escoa o fluido antes de formar uma crosta ou casca

Normalmente, um surto de herpes labial levará de duas a quatro semanas para cicatrizar por completo, sendo contagioso durante todo esse período.

Os pacientes que sofrem seu primeiro surto de herpes labial também podem ter os seguintes sintomas:

  • Dor de garganta
  • Dor de cabeça
  • Dor muscular
  • Febre

Tratamento do herpes labial

Embora não haja cura para o vírus do herpes simples, os remédios para o herpes labial, como medicamentos antivirais, podem ajudar a cicatrizá-lo de modo mais rápido, reduzindo sua frequência.

Se o herpes labial não desaparecer em duas semanas ou se os sintomas forem graves, será preciso consultar o seu médico, que será capaz de recomendar um tratamento específico.

Como prevenir o herpes labial

Pode ser difícil prevenir o herpes labial. No entanto, se você sabe o que desencadeou seu herpes labial, tente evitá-lo da melhor maneira possível. Por exemplo, se o sol provoca o herpes labial em você, pode ser benéfico prestar atenção especial na área afetada ao aplicar protetor solar. Em casos extremos, seu médico pode recomendar uma prescrição diária de medicamentos antivirais.